Notícias detalhe

J

Preparar corretamente a água salgada

Preparar corretamente a água salgada

A água salgada é a base de um aquário marinho. Foto: © sera

A água salgada é a base de um aquário marinho. Mas afinal: como se prepara corretamente?

A água salgada para a aquariofilia prepara-se com sal marinho sintético, já que os habitantes do aquário marinho necessitam de condições constantes, sem grandes variações. Para preparar água salgada, deve-se utilizar água tão pura quanto possível. Geralmente, a água da torneira contém um grande número de aditivos e substâncias naturais que podem ser prejudiciais para os seres vivos no aquário. Por isso, deve ser previamente destilada ou filtrada através de uma unidade de osmose.

Para preparar água salgada, os aquariófilos necessitam de um recipiente suficientemente grande – um barril de plástico, resistente à corrosão, é, p. ex., perfeitamente adequado. Este recipiente enche-se, primeiro, com a água pura e, em seguida, distribui-se, pouco a pouco, o sal marinho sintético, p. ex. marin salt ou marin reef salt de sera. Logo que se dissolvam todos os componentes do sal e se alcance uma salinidade de 35 partes por mil, isto é 35 gramas por litro de água, a água está pronta para a utilização. No entanto, é necessário verificar previamente certos fatores, tais como o teor de nitrato e a densidade, utilizando testes especiais para a água ou um densímetro, p. ex. de sera. Os níveis ideais são: 10 miligramas de nitrato por litro de água e uma densidade de 1,023.

Conselho: Dentro do recipiente, a água salgada deve ser bem movimentada e arejada com uma bomba, durante aproximadamente 24 horas. Depois a água fica absolutamente cristalina.

Procurar um revendedor
l